Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Inserção Social > Sequencia didática elaborada no ProfEPT é base para pesquisa de Iniciação Científica
Início do conteúdo da página

Sequencia didática elaborada no ProfEPT é base para pesquisa de Iniciação Científica

Publicado: Terça, 31 de Dezembro de 2019, 00h00 | Última atualização em Sexta, 29 de Outubro de 2021, 14h00 | Acessos: 237

Franciane2A pesquisa desenvolvida pela estudante do ProfEPT Franciane Simões Martins Segala, da turma de 2017, que gerou a disssertação 'INTERDISCIPLINARIDADE E A UTILIZAÇÃO DE DISPOSITIVOS TECNOLÓGICOS NO ENSINO DE SEMICONDUTORES NA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA ASPIRANDO A FORMAÇÃO INTEGRAL", baseou-se no produto educacional "Sequencia Didática Semicondutores".

O objetivo da pesquisa foi desenvolver atividades didático-pedagógicas utilizando diferentes metodologias sobre aspectos dos semicondutores que permitissem aos estudantes relacionar ciência, tecnologia e sociedade; compreender as as características físicas e químicas dos semicondutores, bem como sua influencia na sociedade; entender que as pesquisas em ciências naturais não possuem caráter neutr; e aprender a se posicionar de forma crítica e ética frente aos avanços tecnológicos.

Franciane1O produto educacional foi aplicado pela mestranda, em um processo colaborativo com professores do curso técnico em Automação Industrial integrado ao Ensino Médio do Campus Sertãozinho, na turma que cursava o 4o ano do curso no ano de 2018, com resultados significativos em termos da aprendizagem dos estudantes sobre os conteúdos específicos e sobre a relação entre ciência e tecnologia.

20190527 161457No ano de 2019, uma estudante do curso de Licenciatura em Química do campus Sertãozinho desenvolveu um trabalho de Iniciação Científica baseado na sequencia didática produzida pela Franciane. O objetivo da iniciação científica foi aprimorar a sequencia, com base nos dados obtidos durante a pesquisa do mestrado e aplicá-la a estudantes do 3o ano do curso técnico em Automação Industrial integrado ao Ensino Médio do Campus Sertãozinho no ano de 2019, analisando comparativamente os resultados obtidos.

Com isso o trabalho envolveu não apenas os docentes e discentes diretamente relacionados à pesquisa do Mestrado ProfEPT, mas um conjunto ainda maior de estudantes do ensino médio, estudante de graduação e docentes.

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página